Cuiabá, 27 de Maio de 2020

RADAR NEWS
Sexta-feira, 28 de Fevereiro de 2020, 14h:04

'APOIAREI O INDICADO'

Lúdio diz que não está à disposição do partido para concorrer na eleição ao Senado

Da Redação
Única News

Foto: (Reprodução/Web)

O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) afirmou nesta sexta-feira (28) que não irá colocar seu nome à disposição do partido para ser candidato na eleição suplementar ao Senado que ocorre em 26 de abril.

Sem citar nomes, ele afirmou que irá apoiar quem a agremiação indicar como candidato. “Vou apoiar o candidato ou candidata que for escolhido pelo Partido dos Trabalhadores, na eleição suplementar ao Senado. O nome escolhido terá meu apoio e meu engajamento na campanha. É muito importante que o PT e os partidos do campo democrático e popular se nessa eleição suplementar, para enfrentar as candidaturas do bolsonarismo e do grupo que detém o poder econômico e político em Mato Grosso”.

Dentro do PT há sete nomes sendo ventilados para entrar na disputa, o do deputado estadual Lúdio Cabral, o ex-deputado federal Carlos Abicalil, a deputada federal Rosa Neide, o próprio Barranco, o suplente de deputado Henrique Lopes, a ex-vereadora Enelinda Scalla, e a sindicalista Edna Sampaio.

No entanto, Abicalil, Lúdio e Rosa Neide já teriam desistido de entrar na disputa pelo Senado. Abicalil chegou, inclusive, a divulgar uma carta de apoio, onde se diz convicto de que Barranco é o melhor nome para concorrer.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




VÍDEO PUBLICIDADE