Cuiabá, 02 de Abril de 2020

POLÍTICA
Quinta-feira, 26 de Março de 2020, 17h:32

DOENÇA AVANÇA

Casos confirmados de Coronavírus chegam a 11 em Mato Grosso; oito são em Cuiabá

Euziany Teodoro
Única News

Gcom

O Governo do Estado confirmou 11 casos de coronavírus nesta quinta-feira (26), dois a mais do que na quarta, ambos em Cuiabá. No total, Cuiabá já tem oito casos positivos, Várzea Grande tem dois casos e Nova Monte Verde tem um caso (a 972 km de Cuiabá).

Dos casos confirmados, apenas dois estão internados em leitos de enfermaria em hospitais, os demais estão sendo tratados e monitorados em isolamento domiciliar. A faixa etária segue entre 26 e 50 anos de idade.

Casos suspeitos já somam 385. As cinco cidades com mais registros são: Cuiabá, com 48 casos suspeitos; Sinop, com 33; Rondonópolis, com 32; Várzea Grande, com 27; e Tangará da Serra, com 21 casos. Cinquenta e nove casos foram descartados.

Os Ministério Públicos Estadual, Federal e do Trabalho notificaram o governador Mauro Mendes para que suspenda o Decreto 426/2020, publicado nesta quinta, que relaxou as medidas restritivas de prevenção ao coronavírus, liberando praticamente todo tipo de atividades comerciais e industriais. No total, 42 atividades foram liberadas, entre shoppings, bares e outros.

Os Ministérios apontam o risco de morte de até oito mil pessoas em Mato Grosso caso essas medidas sejam mantidas.

Sobre isso, o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, em transmissão diária pelo Facebook, afirmou que é muito cedo para fazer uma projeção tão drástica. Segundo ele, ainda não é possível avaliar o número de possíveis mortes.

“Não dá para, nesse momento, fazer uma projeção dessa magnitude. Vamos poder desenhar um cenário mais próximo da realidade a partir do momento em que tivermos o 50º caso no Estado, aí teremos um cenário possível. Não temos nenhum caso grave ainda, nenhum caso demandou nossa assistência hospitalar”, afirmou.

 


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE