Cuiabá, 21 de Setembro de 2020

POLÍTICA MT
Segunda-feira, 10 de Agosto de 2020, 11h:33

ABUSO DE PODER ECONÔMICO

Neri Geller diz estar "100% tranquilo" em processo que pode ser cassado

Claryssa Amorim
Única News

(Foto: Divulgação)

O deputado federal, Neri Geller (PP), declarou estar “tranquilo” quanto ao julgamento do processo de cassação no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT). Para ele, não tem irregularidades nas suas contas durante eleições de 2018 e não tem o que temer, mas quer que tudo acabe logo.

Segundo a Procuradoria Regional Eleitoral, o deputado teria gastado durante sua campanha em torno de R$ 1,3 milhão para 11 candidatos a deputado estadual, sendo que quatro destes foram eleitos. Além de cassado, ele pode ficar inelegível por oito anos.

Geller disse que entende que o Ministério Público Eleitoral (MPE) está fazendo o seu trabalho, no entanto, deve ser bem analisado. O órgão denunciou o deputado e pediu a sua condenação por abuso de poder econômico na campanha.

O deputado confirmou que teve movimentação em sua conta no montante de R$1,6 milhões naquele ano. Porém, esclarece que é de uma venda de soja, já que ele é produtor em Lucas do Rio Verde.

“Teve um depósito de R$ 1,68 milhões na minha conta sim, mas era de contrato de 50 mil sacas de soja que eu tinha vendido. Sou produtor desde 1968 em Lucas do Rio Verde. Na questão de cassação do mandato, eu estou 100% tranquilo. Quero que vote logo para que a gente possa voltar mais tranquilo e trabalhar por Mato Grosso”, disse o parlamentar em entrevista ao jornal Marreta Urgente neste fim de sema.

O julgamento de Geller foi adiado no dia 6 de agosto, após pedido de vista do desembargador Gilberto Giraldelli durante votação dos magistrados.

De acordo ainda com a Procuradoria, o montante ultrapassa o valor gasto permitido por lei, o que caracteriza para Justiça Eleitoral o “mercantilismo eleitoral”.

O MPE cita na ação que os deputados Eliseu Nascimento (DC), Wilson Santos (PSDB), Ondanir Bortolini (PSD), o Nininho, Romoaldo Junior (MDB) e Faissal Calil (PV), receberam cerca de R$ 180 mil doados por Neri Geller.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE