Cuiabá, 16 de Janeiro de 2021

POLÍTICA MT
Terça-feira, 01 de Dezembro de 2020, 18h:09

BAIXANDO A GUARDA

Mendes minimiza diferenças e diz que terá diálogo técnico com Pinheiro

Euziany Teodoro
Única News

Foto por: Mayke Toscano/Secom-MT

O governador Mauro Mendes (DEM), declarado rival político do prefeito reeleito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), minimizou as diferenças com o gestor e disse que terá um diálogo técnico sobre as demandas da capital.

Em entrevista nesta terça-feira (1º), o governador disse que nunca colocou as diferenças políticas acima do interesse público.

“Eu tenho as minhas convicções, sempre posicionei claramente o que penso sobre alguns temas e isso me aproxima ou me afasta de algumas pessoas, mas eu nunca coloquei as diferenças que eu possa ter com qualquer político de Mato Grosso acima do interesse público.”

Ainda disse que governa para os mato-grossenses, não para os prefeitos. “Eu governo para os mato-grossenses, não para os prefeitos. Eu vou trabalhar com os 141 prefeitos de Mato Grosso, seja de qualquer partido, aliado ou não, vou agir como governador para trabalhar para os mato-grossenses”.

Após inúmeros ataques, especialmente durante a campanha eleitoral, quando Mendes apoiou Roberto França no 1º turno e Abilio Jr no 2º turno, sempre contra Emanuel Pinheiro e enfaticamente criticando o prefeito, agora admite que vai manter diálogo técnico, institucional.

“Ele vai apresentar os pleitos dele, a gente faz sempre uma análise técnica. E obvio, se ele demonstrar que ele tem dinheiro – por exemplo, no Distrito Industrial temos o planejamento de investir R$ 45 milhões lá – se ele demonstrar que tem esses R$ 45 milhões em caixa, porque o governo tem, nós podemos até passar. Não tem problema. Na verdade, o Governo tem problemas demais. Hoje isso é um problema do Governo do Estado, mas se ele demonstrar que tem caixa... Nós não jogamos paralelo, não conversamos fiado, nós resolvemos. Essa é uma conversa técnica”, disse.

Ainda assim, destacou que não muda suas opiniões.

“Ganhar ou perder não faz você mudar as suas opiniões. Eu tenho as minhas opiniões, você tem as suas. Tem um fato acontecendo e você tem necessidade de rever as suas opiniões. Muitas análises podem ser feitas, porque ele ganhou, mas isso não muda aquilo que está em vigor na Prefeitura, no Governo, em qualquer lugar. Os meus pensamentos são fundamentados em fatos e fatos não mentem.”


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE