Cuiabá, 30 de Novembro de 2020

POLÍTICA MT
Quarta-feira, 30 de Setembro de 2020, 14h:24

ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Barranco licencia da Assembleia para concorrer ao Senado e Henrique Lopes assume

Da Redação
Única News

ALMT

O deputado estadual Valdir Barranco (PT) oficializou, nesta quarta-feira (30), durante sessão plenária da Assembleia Legislativa, sua licença pelo prazo de 60 dias. O parlamentar concorrerá à vaga de Senador da República, aberta em decorrência da cassação de Selma Arruda (Podemos), por abuso do poder econômico e prática de Caixa 2 nas eleições de 2018.

“O licenciamento não é necessário juridicamente, mas fundamental a esta disputa. Saio com a sensação de dever cumprido e muito disposto a ajudar Mato Grosso no Senado Federal”, disse o deputado.

Em quatro anos de mandato, Barranco apresentou 241 projetos de lei, 79 projetos de resolução, 184 requerimentos e 2 PECS. “Tenho 19 leis sancionadas, das quais 7 voltadas ao enfrentamento do Covid-19. Estou convicto que sou o único representante na disputa que realmente defende o povo e os interesses dos mais pobres”, disse.

A licença do deputado não será remunerada. “Portanto, não há indícios de uso da máquina pública na campanha, como tentam sugerir alguns adversários”, esclareceu.

Quem assume a vaga é o suplente de deputado estadual, Henrique Lopes (PT), forte liderança na representação dos professores, tendo sido presidente do Sintep-MT por vários anos. Ele obteve 18.300 votos na última eleição.

“O professor Henrique Lopes é um parlamentar muito bem preparado. Professor e sindicalista, sempre esteve ao lado dos servidores da educação nas lutas de classe. Entra num momento muito importante na defesa da segurança para o retorno às aulas presenciais no nosso estado diante da pandemia. Assumirá também, meu lugar a presidência da comissão permanente de educação da AL. Estou certo de que fará um excelente trabalho; espero que até o fim deste mandato por mais dois anos, já que espero não retornar à Casa, mas atuar no legislativo federal”, concluiu Barranco.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE