Cuiabá, 22 de Setembro de 2020

POLÍCIA
Quarta-feira, 12 de Agosto de 2020, 10h:34

MENSAGENS FORAM APAGADAS

No Whatsapp, irmão do namorado da jovem que matou Isabele declara: "Aí, tomou"

Elloise Guedes
Única News

Montagem: Única News

Mensagens do WhatsApp do namorado da adolescente B.O.C., acusada de matar Isabele Guimarães, 14 anos, com um tiro na cabeça, mostram que o adolescente conversou com o irmão momentos depois do crime, na noite de 12 de julho. As mensagens, que foram apagadas do celular do jovem, fazem parte de um relatório da Polícia Civil, ao qual o Única News teve acesso.

Entre as declarações no aplicativo, uma chama a atenção. Dois dias após o crime e com várias mensagens apagadas, o irmão do jovem resume: "Aí, tomou".

A mensagem foi enviada ao namorado de B.O.C. no dia 14 de julho, às 11h45. O restante das mensagens foram apagadas novamente.

No dia do crime, por volta das 22h35, o adolescente escreveu para o irmão: “A guria morreu", “não tô entendendo nada”. Entre essas mensagens, havia várias outras que foram apagadas.

Em um outro momento, o adolescente pede para que o irmão apague as mensagens, como explica esse trecho do laudo: "É possível observar que, possivelmente, (o menor) explica algo acerca do fato ocorrido, no entanto, ele solicita que seu irmão apague as conversas, o que foi atendido. Cabe ressaltar, que não foi possível a recuperação/restauração das mensagens em questão", pontua o perito.

No mesmo dia, por volta das 22h37, o irmão responde, “Que guria mano. N comento com ngm. Que guria mano?”. Em seguida ele pede para que o menor tire print das conversas importantes, temendo que o irmão seja responsabilizado pelo crime.

Na madrugada do dia 13 de julho, o menor ressaltou: “Pq todo mundo vai querer colocar a culpa em vc. N deixa isso acontecer”.

Os celulares de todas as pessoas que esteve no dia do crime na casa, passaram por análise e entregues ao delegado responsávelpelo caso.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE