Cuiabá, 06 de Abril de 2020

POLÍCIA
Sexta-feira, 03 de Janeiro de 2020, 15h:32

EM NOBRES

Nenezão, líder de roubo a bancos na modalidade ‘Novo Cangaço’, é executado a tiros

Vithória Sampaio
Única News

(Foto:Montagem: Única News)

Lindomar Alves de Almeida, de 38 anos, mais conhecido como “Nenezão”, acusado de comandar uma quadrilha de roubo a bancos e carros-fortes em Mato Grosso, na modalidade “Novo Cangaço”, foi executado a tiros na manhã desta sexta-feira (3), na rua Cuiabá, em Nobres (a 151 km de Cuiabá).

Segundo informações, os policiais estavam em rondas pelas proximidades, quando foram acionados por populares, que informaram que dois homens encapuzados, em um veículo branco, haviam efetuado disparos contra uma Hilux prata.

Ao chegar no local, dois homens tinham sido baleados, sendo um deles Lindomar, que morreu na hora, e um suposto comparsa, identificado apenas como Geraldo, que foi socorrido e encaminhado ao Hospital do munícipio, mas acabou não resistindo e morreu.

Na Hilux em que as vítimas estavam, foram encontrados dois cartuchos de calibre .12, um intacto e um deflagrado.

Lindomar fazia uso de tornozeleira eletrônica e é considerado de alta periculosidade. Ele é tido como chefe de uma quadrilha de roubo a bancos do chamado “Novo Cangaço”, quando assaltantes fazem as vítimas de escudo humano para cometer os roubos.

A Polícia Civil foi acionada e trabalha na investigação de duplo homicídio.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE