Cuiabá, 13 de Agosto de 2020

POLÍCIA
Sexta-feira, 31 de Julho de 2020, 16h:50

IRRESPONSABILIDADE

Casal bebe a noite toda e esquece criança de dois meses no carro

Da Redação
Única News

(Foto: PM|MT)

Uma noite de bebedeira poderia ter acabado em tragédia, por irresponsabilidade de uma mãe e de seu “amigo”, na madrugada desta sexta-feira (31), em Peixoto de Azevedo (a 673 Km de Cuiabá). A criança, de apenas dois meses, dormia no bebê conforto, dentro do carro do homem, e foi esquecido

De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada via 190 pela mãe da criança, que denunciava que o suspeito havia levado seu filho no carro e dirigia em alta velocidade pela cidade.

Os policiais foram até a residência, no bairro Liberdade, e a mulher relatou que estava bebendo na casa de sua irmã, quando o suspeito chegou e ficou com elas, também bebendo.

A mulher, então, pediu ao suspeito para que ele a deixasse colocar o filho de dois meses, que dormia em uma cadeira conforto, em seu carro, para evitar que a criança ficasse no sereno. O homem aceitou e colocou a criança deitada na cadeira, no banco traseiro de seu automóvel.

O grupo continuou a beber por algumas horas, até que de repente o homem decidiu ir embora, fechou o carro e saiu em alta velocidade com a criança da mulher, que havia sido esquecida no veículo há várias horas.

Os policiais iniciaram as buscas atrás do automóvel. Foi quando visualizaram um carro Prisma estacionado na Avenida Itamar Dias, nas proximidades de uma distribuidora de bebidas.

A mãe chegou até o local e reconheceu o veículo do suspeito e a cadeira do filho. Para resgatar a criança, a polícia quebrou um dos vidros traseiros do carro, que estava trancado.

A criança estava embaixo do banco do motorista dormindo e a cadeira conforto revirada no banco do automóvel. Sem ferimentos, o bebê aparentava estar bem e foi entregue à mãe.

Um homem apareceu durante a verificação e se identificou como o dono do carro e irmão do suspeito, que foi preso na casa do familiar, em visível estado de embriaguez.

Ele acabou enquadrado por maus tratos e por dirigir veículo automotor sob efeito de bebida alcoólica.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE