Cuiabá, 01 de Junho de 2020

CIDADES
Quinta-feira, 21 de Maio de 2020, 10h:33

MEDIDA INÉDITA EM MT

Prefeita diz que pessoas estão indo a Chapada ‘para fazer festa’ e impõe barreira sanitária

Euziany Teodoro
Única News

(Foto: Reprodução)

A prefeita de Chapada dos Guimarães, Thelma de Oliveira, tomou uma medida mais drástica e inédita em Mato Grosso e decidiu adotar barreiras sanitárias preventivas nas duas principais vias de acesso da cidade, para evitar o aumento de casos da Covid-19. Agora, para entrar na cidade turística, todos terão que ser examinados, aferir a temperatura e responder a um questionário.

Ao Única News, a prefeita afirmou que as pessoas têm ido para Chapada “para fazer festas, fazer churrascos” e se esquecem que tem uma pandemia em andamento.

“As pessoas estão achando que é pra vir pra cá e fazer festa, fazer churrasco, tanto que nosso primeiro caso (de óbito) foi de uma senhora que foi visitada por parentes”, disse à reportagem.

Thelma esclarece que não é um “lockdown”, como fake news estão noticiando, e sim uma barreira preventiva. Quem não apresentar sintomas, poderá entrar ou passar pela cidade. As barreiras serão instaladas de sexta-feira a domingo, enquanto perdurar a pandemia.

“Não é lockdown, como fake news estão divulgando. Na verdade, é barreira sanitária educativa, que foi decidida dentro do Comitê de Enfrentamento, junto com a Polícia e as secretarias municipais”.

Quem apresentar algum sintoma, será encaminhado pela Prefeitura à Unidade de Saúde. Caso essa pessoa se recuse, não poderá entrar na cidade.

“A gente vai fazer aferição de temperatura e um questionário para aquelas pessoas que possam apresentar algum sintoma. Se alguma pessoa estiver com os sintomas da Covid-19, aí sim será encaminhada à UPA. Se ela não aceitar este procedimento, não poderá entrar”, explicou a prefeita.

Atualmente, Chapada dos Guimarães tem 7 casos confirmados da doença e um óbito, de uma mulher que morava na comunidade rural do Rio da Casca.

Veja o comunicado da Prefeitura

Considerando o número crescente de casos de contaminação pelo COVID-19 no Estado de Mato Grosso;

O Comitê de Enfrentamento ao COVID-19 instala “barreiras sanitárias” nas duas principais vias de acesso ao município de Chapada dos Guimarães. Serão realizadas nas sextas-feiras, sábados e domingos.

O objetivo desta barreira é de orientar os visitante quanto as medidas preventivas e protetivas, individuais e coletivas acerca do COVID-19 na cidade;

A equipe de Saúde do Município irá realizar perguntas a fim de obter informações acerca da origem e locais de estadias, nos últimos 14 (catorze dias), de todos os ocupantes dos veículos, farão também a aferição de temperatura para obter outras informações sobre o estado de saúde atual dos passageiros.

Caso alguém apresente os sintomas do vírus a equipe irá promover o encaminhamento dos casos suspeitos de COVID-19 à UPA, para realização de exames e isolamento domiciliar dos pacientes.
Considera-se caso suspeito de COVID-19 a pessoa que apresentar alguns dos seguintes sintomas: temperatura corporal igual ou superior a 37,8º, tosse seca, dor de garganta, dor muscular (mialgia),dor de cabeça (cefaleia) e prostração, dificuldade para respirar e batimento das asas nasais.

Não será permitido o acesso ao Município de Chapada dos Guimarães/MT de pessoas que se recusem a submeter aos procedimentos da barreira sanitária ou os casos suspeitos que se recusem ao atendimento médico na UPA.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


MATÉRIA(S) RELACIONADA(S)




VÍDEO PUBLICIDADE