Cuiabá, 23 de Março de 2019

VOLTA AO MUNDO
Quarta-feira, 11 de Abril de 2018, 09h:33

DURANTE DISCURSO

Temer pede otimismo e diz que país não está em 'desgraça absoluta'

Segundo o presidente, o Brasil, assim como todos os países, tem dificuldades. Ele participou de um evento do setor de cooperativas em um hotel em Brasília.

Por Guilherme Mazui, G1, Brasília

(Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

 

O presidente Michel Temer, em discurso nesta quarta-feira (11) num evento do setor de cooperativa em Brasília, pediu otimismo para encarar as dificuldades do país e afirmou que o Brasil não está em "desgraça absoluta".

Temer participou do lançamento da agenda institucional da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), realizado em um hotel da capital. No discurso, ele citou dados que, na opinião do presidente, atestam a recuperação da economia.

“Vamos tocar em frente. Se nós tivéssemos uma desgraça absoluta no país, paciência, mas nós não estamos, meus senhores. Está caindo a inflação, caindo os juros, nós estamos recuperando empregos, nós estamos recuperando economia graças, devo dizer, a atividade do agronegócio”, disse Temer.

Segundo o presidente, todos os países têm dificuldades, mas, na visão dele, o "Brasil voltou".

“Temos que ser otimistas. Temos dificuldade, nós temos, outros países têm, mas o Brasil voltou. E com apoio dos cooperados e cooperativas voltou para ficar e para ser, se Deus quiser, uma grande cooperativa”, completou.

Também num discurso na segunda-feira (9), Temer já havia se referido a dificuldades do país. Ele afirmou que o Brasil havia superado a crise econômica, mas continuava enfrentando uma crise política.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE