Cuiabá, 19 de Junho de 2018

ELEIÇÕES 2018

Quinta-feira, 01 de Março de 2018, 09h:38 - IMPRIMIR | comentar (01)
A | A

compartilhar

Lula: 'A disputa presidencial deverá ser outra vez entre tucanos e PT'

Ex-presidente voltou a criticar a Justiça e a negar que tivesse conhecimento dos esquemas de corrupção durante o governo do PT

Notícias ao Minuto

(Foto:Reuters / Paulo Whitaker)

 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva concedeu entrevista à jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, divulgada nesta quinta-feira (1º). Na ocasião, falou sobre as acusações que pesam contra ele na Lava Jato, criticou a Justiça, e voltou a afirmar que será candidato à Presidência da República nas próximas eleições.

Segundo o petista, o juiz Sérgio Moro, responsável pela força-tarefa em primeira instância, e os desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), João Pedro Gebran Neto, Leandro Paulsen e Victor Luiz dos Santos Laus, que confirmaram a sentença imposta a ele, "mereciam ser exonerados a bem do serviço público".

"Porque houve mentira na denúncia [feita pela] imprensa [que revelou a existência do tríplex], no inquérito da Polícia Federal, na acusação do Ministério Público Federal, na sentença do Moro e na confirmação do TRF-4", afirmou.

Questionado sobre o fato de muita gente não acreditar que ele possa ser candidato, após a condenação em segunda instância, Lula disse esperar "que o Supremo Tribunal Federal [que deve julgar habeas corpus em que Lula pede para não ser preso] analise o processo, veja os depoimentos, as provas e tome uma decisão". "Por isso tenho a crença de que vou ser candidato", completou.

O ex-presidente também avaliou que a única unanimidade no Brasil, hoje, é a torcida pela não-candidatura dele. "O Temer não quer, o Alckmin não quer, o Ciro não quer. Eles pensam: 'ele [Lula] vai para o segundo turno e pode até ganhar no primeiro. Se ele não for candidato, em vez de uma vaga no segundo turno, podemos disputar duas'. Aumenta a chance de todo mundo", pontuou.

Ao se referir ao Sítio de Atibaia, que segundo os investigadores da Lava Jato seria usado pelo presidente e teria passado por reformas, feitas por construtoras em troca de vantagens indevidas, Lula negou irregularidades.

"Primeiro disseram que o sítio era meu. Aí descobriram que ele tem dono. Então mudaram [para dizer que] me fizeram favor. Se fizeram, não me pediram. Eu fiquei sabendo desse sítio no dia 15 de janeiro de 2011", alegou.

Lula também afirmou ser possível comandar o país e não ter conhecimento dos esquemas de corrupção existentes no governo. "Você tem filho? Sabe o que ele está esta fazendo agora? Quando você esta na cozinha e ele no quarto, você sabe? Outro dia vi o caso de venda de sentenças em gabinetes de juízes. E eles foram inocentados porque não eram obrigados a saber o que estavam fazendo do lado de sua sala. Deixa eu te falar uma coisa: ninguém é colocado no governo para roubar. Ninguém traz na testa 'eu sou ladrão'. Há um critério rigoroso de escolha [de diretores de estatais]. Muita gente pensa que eu sou contra a Operação Lava Jato. Eu tenho orgulho de pertencer a um partido e a um governo que criou os mecanismos mais eficientes de combate à lavagem de dinheiro e à corrupção nesse país", destacou.

Ao fazer uma análise dos cenários que estão sendo desenhados para as próximas eleições, Lula avaliou que "pela direita, ninguém será presidente sem o apoio dos tucanos. Pela esquerda, ninguém será presidente sem o PT". "Eu, se entendo um pouco de política, vou dizer uma coisa: a disputa deverá ser outra vez entre tucanos e PT", completou.

Perguntado se tem medo de ser preso, o ex-presidente negou. "Sabe por que não tenho medo? Porque eu tenho a consciência tão tranquila. Sabe do que eu tenho medo de verdade? É se esses caras pudessem mostrar à minha bisneta que fez um ano no domingo que o bisavô dela roubou um real. Isso realmente me mataria. Eu estou preparado. Estou tranquilo. E tenho certeza de que vou ser absolvido e de que não vou ser preso".

Fb

Compartilhe esta notícia com os seus amigos

0 Comentário(s).

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

COMENTAR ESTA MATÉRIA
FECHAR

Edição Atual

Ed. Maio 2018 Revista Única

ASSINAR LER A REVISTA MAIS



vídeo publicidade



Av. Historiador Rubens de Mendonça, 1731 - Cuiabá MT

arte@unicanews.com.br