Cuiabá, 23 de Junho de 2018

REJUVENESCIMENTO ÍNTIMO

Segunda-feira, 11 de Junho de 2018, 10h:36 - IMPRIMIR | comentar (01)
A | A

compartilhar

Técnicas modernas são utilizadas no rejuvenescimento íntimo

Os procedimentos podem diminuir o monte pubiano, atuar na flacidez dos grandes lábios e clarear a região como um todo

Da Redação

Foto reprodução

íntimo

 

O tratamento estético moderno, que vem sendo chamado de rejuvenescimento íntimo, tem como objetivo, em termos de aparência, diminuir o monte pubiano, atuar na flacidez dos grandes lábios e clarear a região como um todo. O cirurgião plástico Elson Adorno enfatiza que os procedimentos prometem também aumentar o prazer da mulher na relação sexual quando se faz a bioestimulação no Ponto G. Entre as possibilidades para modificar o aspecto estético da região estão: tratamentos com laser, cirurgias plásticas e cosméticos.

 

 

 

Adorno explica que por meio de bioestimuladores, consegue-se estimular a produção de colágeno, promovendo a sustentação da pele e o aumento da vascularização local.

“Em resposta ao estímulo, acontece o estreitamento do canal vaginal, gerando mais atrito e sensibilidade durante o sexo. Com a idade, você perde colágeno não só no rosto, mas em todo o corpo”, enfatiza.

 

 

O cirurgião confirma que em geral os procedimentos com bioestimuladores de colágeno são realizados em sessões no consultório médico de dois em dois meses. Em média são necessárias de duas a três sessões para um bom resultado. 

“Pode ser associado a procedimentos como preenchimento dos grandes lábios vaginais ou lipoaspirações da região em caso de excesso”, diz.

 

Adorno confirma ainda que além dos tratamentos com bioestimuladores de colágeno, a cirurgia plástica vaginal tem aumentado muito entre os procedimentos realizados pelos cirurgiões plásticos no Brasil. A novidade é que a cirurgia íntima pode ser realizada com laser. Os procedimentos cirúrgicos são realizados em ambiente hospitalar, porém sem necessidade de internação. Recomenda-se que se procure um médico especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

 

 

 

(Foto: Carlos Eckert)

Elson Adorno

 *Elson Adorno é especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e em Cirurgia Plástica pelo MEC, preceptor do Programa de Residência Médica de Cirurgia Plástica do Hospital de Base de Rondônia, docente do curso de Medicina do UNIVAG, diretor e coordenador do curso Advanced Trauma Life Support-ATLS, Núcleo Campo Grande/Cuiabá; instrutor do curso Pré Hospital Trauma Life Support - Núcleo Campo Grande; instrutor do curso Disaster Management and Emergency Preparedness Course – DMEP, Núcleo USP/HC-São Paulo e Instrutor do Curso Nacional de Normatização de Atendimento ao Queimado – CNNAQ.

 

 

 

 

 

 

Fb

Compartilhe esta notícia com os seus amigos

0 Comentário(s).

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

COMENTAR ESTA MATÉRIA
FECHAR

Edição Atual

Ed. Maio 2018 Revista Única

ASSINAR LER A REVISTA MAIS



vídeo publicidade



Av. Historiador Rubens de Mendonça, 1731 - Cuiabá MT

arte@unicanews.com.br