Cuiabá, 20 de Fevereiro de 2019

RADAR NEWS
Sexta-feira, 04 de Maio de 2018, 14h:57

DELATORES DA ARARATH

Em denúncia, Raquel Dodge indica delatores para depor contra Blairo Maggi

Claryssa Amorim

(Foto: divulgação)

dodge e blairo.jpg

 

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, indicou delatores e empresários como testemunhas em denúncia contra o ministro da agricultura, Blairo Maggi (PP), na ação de corrupção ativa que o acusa, enquanto era governador de Mato Grosso. A suspeita é de que ele era envolvido em esquema de compra de caga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), em que o conselheiro afastado, Sérgio Ricardo, foi afastado. 

 

As testemunhas indicadas por Dodge é com base nas investigações da operação 'Ararath', que são: o delator e empresário, Junior Mendonça, o ex-governador Silval Barbosa, também delator na operação e o ex-secretário Eder Moraes Dias. Já os empresários são: Robson Todeschini, Marcelo Calvo Galindo e Regina Cália Calvo Galindo.

 

O ministro alega que a denúncia, representada nesta quarta-feira (2) pela Procuradoria Geral da República (PGR), desrespeita a decisão do Supremo do Supremo Tribunal Federal (STF), já que teria arquivado a investigação do caso por falta de provas.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE