Cuiabá, 22 de Outubro de 2018

PÓS ELEIÇÃO - MT

Quinta-feira, 11 de Outubro de 2018, 09h:51 - IMPRIMIR | comentar (01)
A | A

compartilhar

Sem mandatos em 2019, parlamentares de MT decidem apoio a Bolsonaro

Da Redação

(Foto: WhastApp/Assessoria)

MT -homens do bolsonaro.png

 

Nesta última quarta-feira (10), quatro de Mato Grosso -  Cidinho Santos (PR) que assumiu a vaga de Blairo no Senado, após Maggi assumir o Ministério da Agricultura, Fábio Garcia, deputado federal democrata que não disputou a reeleição neste pleito e ainda os outros dois deputados federais derrotados nas urnas, Adilton Sachetti (PRB) [que disputou a Senatoria] e Victório Galli (PSL) [reeleição] - reforçaram apoio à candidatura de Jair Bolsonaro (PSL), que disputa neste segundo turno com Fernando Haddad (PT), a Presidência da República.

 

Os parlamentares se reuniram com Bolsonaro - que está em tratamento de saúde, em casa no Rio de Janeiro, depois de levar uma facada em um ato de campanha em Juiz de Fora, Minas Gerais -, e gravaram um vídeo com o presidenciável.

 

No vídeo o 'Capitão Bolsonaro'agradece a expressiva votação obtida em Mato Grosso - 60% no primeiro turno - e pede que os números cresçam na segunda etapa da eleição.

 

Coordenação nacional

 

Também nesta última quarta, o senador José Medeiros (Podemos) - eleito deputado federal no último domingo, 7 de outubro -, com mais de 82 mil votos, assumiu seu apoio ao presidenciável ao declarar para a imprensa que vai integrar a coordenação nacional da campanha de Jair Bolsonaro (PSL) neste segundo turno.  

 

Em reunião com o candidato a presidente, Medeiros e o senador Magno Malta (PR-ES) [derrotado nas urnas] foram escalados para percorrem o país representando Bolsonaro, que se recupera das cirurgias.

 

Medeiros fará parte do chamado ‘núcleo duro’ do candidato, composto além dele e de Malta, ainda pelos deputados Onyz Lorenzoni (DEM-RS) e Fernando Francischini (PSL-PR). 

 

Até o final do segundo turno, Medeiros conciliará a sua agenda no Senado Federal com as atividades de campanha de Bolsonaro a presidente da República. Em particular , em Mato Grosso. O parlamentar defende a criação de uma frente suprapartidária em apoio ao candidato do PSL.

Fb

Compartilhe esta notícia com os seus amigos

0 Comentário(s).

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

COMENTAR ESTA MATÉRIA
FECHAR

Edição Atual

Ed. Setembro 2018

ASSINAR LER A REVISTA MAIS



vídeo publicidade


Av. Historiador Rubens de Mendonça, 1731 - Cuiabá MT

arte@unicanews.com.br