Cuiabá, 21 de Setembro de 2019

POLÍTICA
Terça-feira, 21 de Maio de 2019, 08h:56

DE OLHO NAS ELEIÇÕES 2020

PSD elege Geraldo Macedo para presidência do Diretório Municipal

Euziany Teodoro e Fernanda Nazário
Única News

(Foto: Divulgação)

O Partido Social Democrático (PSD) de Cuiabá elegeu, na noite desta segunda-feira (20), a chapa que inclui o empresário e grão mestre da maçonaria, Geraldo Macedo.

A chapa foi eleita por unanimidade pelo diretório municipal. Macedo é o novo presidente. O vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro, é o vice-presidente e o vereador por Cuiabá, que ocupa hoje a vaga de deputado estadual durante licença de Eduardo Botelho (DEM), Toninho de Souza, é o novo secretário-geral.

Geraldo celebra a presidência e diz que o trabalho agora é de união e fortalecimento do diretório municipal para as eleições de 2020, já que a orientação do diretório nacional é para que o PSD tenha candidatos à prefeitura nos municípios que tenham acima de 100 mil habitantes, como é o caso de Cuiabá.

(Foto: Divulgação)

Geraldo Macedo PSD

 

“Queremos principalmente nos aproximar cada vez mais das comunidades para ver suas necessidades e assim trabalharmos as políticas públicas que vão de encontro com a população. Vamos trabalhar também para fazer um grande engajamento de pessoas, melhorando e fortalecendo o nosso partido em Cuiabá. Temos hoje mais de 25 prefeitos eleitos em Mato Grosso no último pleito, mais de 20 vice-prefeito e mais de 260 vereadores”, conta Macedo.

O PSD é a sigla com o segundo maior número de prefeitos atualmente no estado. São 26 prefeitos, 21 vice-prefeitos e 268 vereadores. O partido trabalha para ampliar o número de administradores municipais e manter as cidades onde os prefeitos já não podem mais concorrer à reeleição.

Para isso, pretende lançar o máximo de candidaturas próprias, incluindo a capital, Cuiabá, e cidades polo, como Várzea Grande, Sinop, Tangará da Serra, Cáceres, Barra do Garças, Alta Floresta e Rondonópolis, além de reeleger os 16 prefeitos que estão nesta condição.

Segundo o presidente estadual do Partido, Carlos Fávaro, outra prioridade do partido é estimular e trabalhar candidaturas femininas, tanto para prefeitas, quanto vice-prefeitas e para as Câmaras Municipais. “Já estamos trabalhando quadros para as eleições municipais. Junto com os prefeitos, traçamos as ações para o próximo pleito, que vem com um diferencial, que é o fim das coligações para proporcional”.

Fávaro ressalta ainda que o PSD está cumprindo uma agenda estratégia montada por todos os membros, no intuito de deixar a sigla organizada para as eleições.

A direção estadual aponta que a composição dos diretórios municipais trará mais autonomia, liberdade e segurança jurídica aos filiados à legenda, para que possam trabalhar melhor a condução do processo eleitoral no próximo ano.

O PSD faz parte da base que elegeu o governador Mauro Mendes (DEM) em 2018 e isto também deve ser considerado para as composições para o pleito municipal.

Galeria de fotos:


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




VÍDEO PUBLICIDADE