Cuiabá, 20 de Novembro de 2018

VOTO JOVEM

Domingo, 07 de Outubro de 2018, 15h:49 - IMPRIMIR | comentar (01)
A | A

compartilhar

Mesmo com dúvidas, Jamile não abre mão de votar pela primeira vez

Luana Valentim
Da Redação

Foto: (Facebook)

JAMILE

 

Neste domingo (7), em que os eleitores - em torno de 147.302.354 no país -, escolhem de presidente da República, governadores dos 27 Estados, senadores até deputados federais e estaduais, os jovens que vão votar pela primeira vez estão indo às urnas com muita indecisão.

 

Representando 0,95% do eleitorado brasileiros – de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral -, eles totalizam 1.400.617.

 

Dentre esta garotada que vai exercer pela primeira vez, nas urnas, o seu direito Jamile Gabriele Nogueira Valentim, de 18 anos [completos agora em agosto], é uma delas.

 

Ela, assim como muitos outros de sua idade, deve chegar na hora de dar o voto sem ter realizado, de fato, uma análise mais aprofundada sobre a importância do seu voto. Sendo assim, nem mesmo analisou as propostas dos candidatos e não sabe em quem votar. Mas muitos sabem de uma coisa, como a Jamile, em quem não votariam, pois de nenhuma forma passaram confiança.

 

Essa é a realidade do Brasil, prova disto, é que comparando com 2014 observa-se que o número de jovens eleitores caiu em 14,53%. Mesmo que o número de eleitores, no total, tenha crescido em 3,14%. O que demonstra que muitos jovens não possuem nem mesmo o título de eleitor.

 

“Eu observo que as minhas amigas que tem 18 anos ainda não tiraram o seu documento, mesmo sendo obrigatório. Eu decidi tirar o meu título para poder votar por me sentir mais responsável e importante perante a sociedade”, afirmou Jamile.

 

Por mais que ainda não tenha decidido quem lhe representa, Jamile quer, no entanto, obedecer à lei. Já que alcançou a maioridade e o voto se tornou obrigatório, ela teme, por exemplo, não poder concorrer a concursos e ficar impedida de fazer o Exame Nacional do Ensino Médio.

 

“Eu sei que neste ano iremos eleger o presidente, deputado federal, governador, senador e deputado estadual. Mas confesso que não tenho acompanhado as novas regras eleitorais e nem mesmo analisado as propostas dos candidatos”, frisou.

 

Jamile analisa que a política é importante para que as pessoas possam analisar para onde o país está sendo levado. E demonstrou descontentamento com os atuais governantes, no Estado, Pedro Taques (PSDB) e no Brasil Michel Temer (MDB).

 

Para ela, os governantes estão deixando de cumprir com os seus papéis, deixando a sociedade desamparada, não colocando em prática o que foi prometido em campanha.

 

“E desses candidatos à presidência, nenhum estaria me representando, porque pelo que a gente tem visto, todos têm a ficha suja. Então acho que eles não estariam representando nem a mim e nem mesmo a sociedade”, explicou.

 

Com a quantidade de jovens que tem se declarado apoiadores da candidatura do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), Jamile deixa claro que ela não faz parte deste grupo, pois, de acordo com as pesquisas que fez conversando com pessoas mais velhas, os mesmos têm dito que não votariam nele por ser um apoiador da agressão e a tortura.

 

Nas eleições estaduais, Jamile disse que nenhum dos candidatos a representa, mesmo não sabendo explicar o motivo, relatando que na dúvida, o seu voto será anulado.

 

Jamile é uma aluna que tira boas notas em história e representa a realidade de muitos jovens que não entendem ainda o que é a democracia de fato, a importância de votar, de escolher um representante que por quatro anos ficará à frente das causas da sociedade.

 

Muitos jovens mesmo podendo votar, decidiram não tirar o seu título de eleitor, justamente por não saberem o quanto isso significa. 

 

Talvez seja por falta de aplicar mais política nas escolas, trazendo o jovem para as questões sociais. Afinal, se ele é o futuro do país é preciso então investir neles e prepara-los para que possam assim assumir o seu papel perante a sociedade, não sendo apenas um telespectador.

Fb

Compartilhe esta notícia com os seus amigos

0 Comentário(s).

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

COMENTAR ESTA MATÉRIA
FECHAR

MATÉRIAS RELACIONADAS


Edição Atual

Ed. Outubro 2018

ASSINAR LER A REVISTA MAIS



vídeo publicidade


Av. Historiador Rubens de Mendonça, 1731 - Cuiabá MT

arte@unicanews.com.br