Cuiabá, 21 de Fevereiro de 2019

POLÍTICA
Terça-feira, 06 de Fevereiro de 2018, 10h:44

DISPUTA PELO ALENCASTRO

Juíza reprova contas da campanha de Wilson e pede investigação

Da Redação

(Foto: AL/MT)

Wilson Santos

 

A juíza Gabriela de Albuquerque e Silva, da 51ª Zona Eleitoral de Cuiabá, reprovou as contas de campanha do ex-prefeito de Cuiabá, Wilson Santos. A decisão assinada na última quinta-feira (1º), é referente a 2016, quando disputou a Prefeitura de Cuiabá. 

 

A magistrada constatou 16 irregularidades nas contas apresentadas pela chapa. O Ministério Público Eleitoral (MPE) poderá apurar eventual abuso de poder econômico. A decisão cabe recurso. O atual secretário de Cidades disputou junto com seu vice, Leonardo Oliveira (PSB), pelo comando do Palácio Alencastro e perderam no segundo turno das eleições. 

 

Dentre as irregularidades constatadas pela magistrada, estão a ausência de apresentação de alguns recibos de eleitorais, bem como a utilização de recursos estimáveis em dinheiro provenientes de doações de pessoas físicas sem a comprovação de que a doação constitui produto do serviço ou da atividade econômica do doador e/ou que os bens permanentes integrem seu patrimônio.

 

“De fato, não foi apresentado documento da lavra do Diretório Municipal corroborando a informação de que serão utilizados recursos do Fundo Partidário para pagamento da dívida, uma vez que tal informação também não consta do documento de assunção de dívida, tampouco maiores informações quanto a recebimento de doações ou comercialização de produtos para quitação da dívida”. 

 

Eles ainda foram multados em R$ 2 mil por utilizar recursos do Tesouro Nacional através de despesas do Fundo Partidário que não foram comprovadas.

 

 


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE