Cuiabá, 14 de Dezembro de 2019

POLÍTICA
Sexta-feira, 11 de Outubro de 2019, 17h:48

"GOVERNO GASTA COM LOCAÇÃO"

Deputado quer comprar viaturas da polícia com duodécimo devolvido pela Assembleia

Única News
(Com assessoria)

JLSIQUEIRA / ALMT

A situação crítica de falta de viaturas para a área de segurança pública nos municípios de Mato Grosso fez com o que o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) fizesse uma indicação, nesta semana, ao presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (DEM). O parlamentar apresentou indicação para que, havendo a eventual devolução de duodécimo ao governo, seja destinada à aquisição de viaturas às forças de segurança do estado.

“Estou indicando, junto com deputado Silvio Fávero (PSL), para que o valor do duodécimo não utilizado pela Assembleia Legislativa seja destinado para a aquisição de viaturas, como caminhonetes e veículos altos. Dessa forma, acreditamos que todos os deputados poderão contemplar sua base com viaturas. Já houve tempos em que a Assembleia destinou esses recursos para a compra de ambulâncias. Então, por que não agora comprar viaturas?”, questionou Claudinei, na tribuna durante sessão plenária na manhã desta quinta-feira (10).

Segundo ele, se for depender do governo do estado adquirir viaturas para contemplar os municípios, será muito difícil, mas o Parlamento estadual pode contribuir nessa iniciativa. “Sem falar que o estado, hoje, gasta muito com locação de veículos utilizados na segurança pública. A partir dessa sugestão, o deputado estadual João Batista, por exemplo, pode indicar viaturas para o sistema prisional”, completou.

Com uma população de mais de três milhões de habitantes, numa área de 348.788 mi² (trezentos e quarenta e oito mil setecentos e oitenta e oito milhas quadradas) e 141 municípios, hoje, as polícias de Mato Grosso não conseguem atender toda a extensão e isso é agravado pela falta de estrutura e efetivos.

Conforme o deputado, a Polícia Militar, além de fazer o policiamento ostensivo e repressivo nos municípios, também fica responsável, em algumas localidades, pelas zonas rurais. “Contudo, os policiais sofrem com falta de carros e caminhonetes adaptadas para o patrulhamento em áreas de difícil acesso. Já a Polícia Judiciária Civil, que é responsável pela parte investigativa, necessita de viaturas descaracterizadas e caracterizadas para realizar o acompanhamento de presos, desenvolver diligências e realizar investigações”.

Em 2016, a Assembleia Legislativa entregou 66 ambulâncias para 66 municípios de Mato Grosso via recursos devolvidos do Legislativo para o Executivo no ano de 2015.

Mais indicações

Além disso, o Delegado Claudinei indicou ao governo do estado a reforma da Delegacia de Polícia Judiciária Civil (PJC) do município de Jaciara, bem como a construção de um Centro de Detenção Provisório, também em Jaciara. O parlamentar pediu ainda a retomada da obra do prédio da Companhia de Polícia Militar do município de Dom Aquino.

Para Rondonópolis, o parlamentar requereu a retomada do funcionamento da Companhia Independente da Polícia Militar, localizada na Vila Operária. “Mais uma vez isso mostra a questão de omissão do estado junto ao município de Rondonópolis. Na Vila Operária, são 80 mil moradores, quase a metade da população da cidade, e não tem uma Companhia de Polícia. Eu sei que o deputado Sebastião Rezende (PSC) pleiteia a construção de um batalhão, mas enquanto este não for contruído, que pelo menos se consiga ter uma companhia”, finaliza Claudinei.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE