Cuiabá, 18 de Outubro de 2018

VÁRZEA GRANDE

Quinta-feira, 10 de Maio de 2018, 13h:12 - IMPRIMIR | comentar (01)
A | A

compartilhar

Polícia prende jovens suspeitos de atuar em mais de 30 roubos

Da Redação

(Foto: divulgação/PJC)

colagem roubos.jpg

 

Três jovens apontados como autores em mais de 30 roubos, foram presos na tarde de terça-feira (8). No local foram apreendidos também, uma arma de fogo, de propriedade de um policial militar de Mato Grosso, que tinha sido roubada na última sexta-feira (4). 

 

Os suspeitos foram identificados como, Marcos Antonio da Silva Soares, de 18 anos, apelidado de “Toto”, André Francisco da Costa também com 18 anos, conhecido como “Chico” e Cleiton Jorge da Silva, de 22 anos, conhecido como “Pequeno”. Todos pegos em flagrante e indiciados pelos crimes de posse irregular de arma de fogo de uso permitido e associação criminosa. 

 

A prisão dos suspeitos aconteceu durante diligências para apurar um assalto a residência, ocorrido no bairro Nova Várzea Grande, na noite de segunda-feira (07). Na ocasião, os três invadiram o local armados e efetuaram disparo de arma de fogo.

 

No assalto os criminosos renderam as pessoas que estavam na casa, inclusive as crianças, e roubaram diversos objetos do local. Segundo o relato da família, foram levados pertences pessoais e um veículo. 

 

O trio, com extensa ficha criminal era investigado em diversos inquéritos policiais instaurados, por agirem como os mesmos “modus operandi", em mais de trinta roubos cometidos em Várzea Grande. De acordo com o delegado, Guilherme de Carvalho Bertoli, os crimes executados pelos suspeitos, eram praticados com graves ameaças e agressões físicas.

 

“Os mais de trinta roubos realizados pelos autores, ocorreram após eles atingirem a maioridade. Em um dos assaltos praticados pelo grupo, a vítima foi alvejada com um tiro na perna”, disse o delegado.

 

Na revista do imóvel, foi localizado um revólver calibre 38 roubado de um policial militar, com três munições intactas e uma deflagrada, além de vários produtos como aparelho televisor, celular, chave de carro, entre outros, provenientes dos roubos.

 

Os suspeitos foram questinados e assumiram as ações criminosas. Diante dos fatos, os três foram conduzidos à Derf-VG, onde foram unanimemente reconhecidos pelas vítimas como os autores do roubo em apuração. Além de ser atuado em flagrante, o suspeito Marcos estava com mandado de prisão em aberto, o qual foi devidamente cumprido.

 

O trabalho foi realizado pelos policiais civis da Derf-VG, coordenados pela delegada de polícia Elaine Fernandes da Silva, com apoio operacional do delegado de polícia Guilherme de Carvalho Bertoli.

 

Além do disque-denúncia via 197, a Polícia Civil conta com um canal exclusivo via WhatsApp para recebimento de informações referentes a roubos e furtos. Pelo telefone (65) 9 9989-9109 qualquer pessoa pode auxiliar as investigações da DERF de Várzea Grande. O sigilo é absoluto.

Fb

Compartilhe esta notícia com os seus amigos

0 Comentário(s).

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

COMENTAR ESTA MATÉRIA
FECHAR

Edição Atual

Ed. Setembro 2018

ASSINAR LER A REVISTA MAIS



vídeo publicidade


Av. Historiador Rubens de Mendonça, 1731 - Cuiabá MT

arte@unicanews.com.br