Cuiabá, 20 de Outubro de 2018

FLAGRANTE

Quarta-feira, 07 de Março de 2018, 13h:30 - IMPRIMIR | comentar (01)
A | A

compartilhar

Mulher é pega entrando na PCE com drogas e chips; médicos recusam atendimento

Daffiny Delgado

Foto: Reprodução

presa com droga na vagina na pce

 

Gisele Barbosa da Silva foi presa tentando entrar na Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá, na manhã desta quarta-feira (07), com drogas e chips de celular escondidos na vagina.

 

O caso ocorreu durante o horário de visitas na unidade quando a mulher passava pela revista íntima.  A droga estava alojada dentro da genitália, devido a profundidade onde estava, seria necessário o auxílio de médicos para poder retirar o entorpecente. 

 

Os agentes da unidade prisional percorram diversas unidades de saúde, pois nenhuma da Capital aceitou receber a suspeita para que a droga fosse retirada. 

 

De acordo com o presidente do Sindicato dos Agentes Prisionais, João Batista, os agentes foram na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pedra 90, Instituto Médico Legal (IML) e no Pronto Socorro, mas todos se negaram a receber a mulher, para que com a ajuda de médicos, pudessem tirar a droga. 

 

Diante da recusa da saúde de Cuiabá, os agentes penitenciários foram até o Pronto Socorro de Várzea Grande, onde médicos aceitaram fazer o procedimento. Além da droga, os profissionais da saúde ainda encontraram dezenas de chips de celular.

 

A mulher foi encaminhada para a Central de Flagrantes para ser tomadas as providências cabíveis.

 

Fb

Compartilhe esta notícia com os seus amigos

0 Comentário(s).

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

COMENTAR ESTA MATÉRIA
FECHAR

Edição Atual

Ed. Setembro 2018

ASSINAR LER A REVISTA MAIS



vídeo publicidade


Av. Historiador Rubens de Mendonça, 1731 - Cuiabá MT

arte@unicanews.com.br