Cuiabá, 18 de Novembro de 2019

POLÍCIA
Sexta-feira, 07 de Junho de 2019, 11h:39

GOLPE DO ENVELOPE VAZIO

Estelionatário é preso dentro de cartório tentando transferir veículo

Única News
Com assessoria

(Foto: Reprodução/PJC)

Um homem de 43 anos foi preso por estelionato, nessa quinta-feira (7), em Cuiabá, quando tentava fazer a transferência de um veículo com o golpe do envelope vazio. De acordo com a Polícia Civil, Robison Garcia Vasconcelos foi preso dentro de um cartório, na Capital.

Com Robison, estava o comparsa Marcelo José Silva Gomes, que conseguiu escapar do cerco policial e até a publicação desta matéria, não foi preso. 

Os dois tentava fazer a transferência de um veículo no cartório do 1º Ofício, que teriam comprado de uma pessoa de Sorriso (a 420 km de Cuiabá). 

As investigações iniciaram, após informações de que dois homens estariam transferindo um veículo, modelo Honda FIT, de uma vítima de Sorriso.

Segundo as informações, após anunciar o veículo em um site de compra e venda na Internet, a vítima negociou o automóvel pelo valor de R$ 48 mil. Somente depois de entregar o veículo aos suspeitos, a vítima percebeu que o depósito foi realizado em envelope vazio.

Com base nas informações, os policiais foram até o cartório onde realizaram a abordagem dos suspeitos. Enquanto saiam do estabelecimento, devido ao grande fluxo de pessoas, um deles empreendeu fuga, e mesmo perseguido pelos policiais, conseguiu fugir, sendo realizada somente a prisão de Robison.

O veículo Honda Fit da vítima foi localizado em um estacionamento próximo ao cartório, onde foi apreendido. O suspeito foi conduzido a delegacia, onde após ser interrogado foi autuado em flagrante por estelionato. O segundo envolvido no crime foi identificado e continua procurado pela Polícia, uma vez que há informações do envolvimento dele em golpes em outros municípios, como Tangará da Serra.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.


LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO




VÍDEO PUBLICIDADE