Única News

Domingo, 18 de Agosto de 2019, 08h:52

Deputados rejeitam diretor para a Ager; Mendes afirma que é ‘problema interno’

Fernanda Nazário e Euziany Teodoro
Única News

Os deputados estaduais rejeitaram, por 10 votos a 8, o nome de Emerson Almeida de Souza para o cargo de diretor de transportes da Agência de Regulação dos Serviços Delegados (Ager-MT).

O nome aprovado por unanimidade para ocupar o cargo, foi o de José Rodrigues Rocha Júnior, ex-secretário de Assistência Social de Cuiabá na gestão de Mendes e ex-adjunto da Setas no Governo de Pedro Taques (PSDB). A votação foi realizada durante a sessão ordinária de quarta-feira (14).

Emerson e José foram indicação do governador Mauro Mendes (DEM). Os dois já tinham sido sabatinados pela Assembleia Legislativa em julho. Para o governador, a rejeição a Emerson foi um “problema interno” da Assembleia.

“Foi um problema de natureza intra corporis. Nada a ver com o governo. Lamentavelmente, por um problema de entendimento deles lá – sobre quem indicou ou não indicou – veio essa decisão. Mas estamos tranquilos para fazer nova indicação. Vamos estudar e encaminharemos outro nome”, afirmou o governador, em entrevista à imprensa nesta quinta-feira (16).

José Rodrigues deve ser nomeado nos próximos dias. Ele assumirá o cargo de diretor-regulador de Ouvidoria da Ager. Rodrigues é servidor de carreira da Ager desde 2003. (com informações da assessoria)


Fonte: Única News

Visite o website: unicanews.com.br