Cuiabá, 11 de Dezembro de 2018

TURISMO EM CHAPADA

Sexta-feira, 09 de Março de 2018, 17h:27 - IMPRIMIR | comentar (01)
A | A

compartilhar

Obras na Salgadeira entram em fase final, mas local ainda não será permitido para banho

Wellyngton Souza

(Foto: Reprodução/Web)

SALGADEIRA 2.jpg

 

O governador Pedro Taques (PSBD), afirmou na manhã desta sexta (9), que a reforma do Complexo da Salgadeira, próximo ao município de Chapada dos Guimarães (a 65 km de Cuiabá), será entregue dia 8 de abril. No entanto, um dos principais pontos turísticos de Mato Grosso, não será liberado para o banho.

 

"Será reaberta agora no aniversário de Cuiabá. O Poder Executivo defende a necessidade de banho, mas para isso dependemos do Ministério Público que está levantando algumas questões, que vamos ter que respeitar", disse o gestor durante visita às obras. O secretário -adjunto de estado de Turismo, Carlos Nigro, disse que o Complexo da Salgadeira, a princípio, ficará sob o comando do estado até que uma empresa se torne a responsável do local.

 

"A prioridade do estado é manter o local preservado. As obras foram com intuito de manter o equilíbrio natural e visando a sustentabilidade. A antiga gestão não entregou a obra em tempo para os jogos da Copa do Mundo de 2014.  O edital deve ser aberto ainda em abril", disse.

 

Obra

 

Os trabalhos para a recuperação da Salgadeira já somam com 120 dias em andamento. A revitalização do espaço já apresenta 85% de execução, entrando na fase de finalização do estacionamento, da implantação dos 560 metros de trilhas, estação de tratamento de esgoto, paisagismo, forro, pintura e demais acabamentos nas edificações. O custo total da obra é de R$ 12,6 milhões.

 

Gestão

 

Paralelo ao trabalho de reconstrução do espaço, a equipe da Secretaria Adjunta de Turismo trabalha para identificar a melhor plataforma de realizar a gestão do uso do local após o término das obras, conforme conta secretário Luiz Carlos Nigro.

 

“Estamos trabalhando para termos, já na inauguração, a empresa que irá fazer a gestão do complexo e do restaurante. E da mesma maneira do Centro de Interpretação Ambiental, que será uma espécie de mini-museu, que contará a história da Chapada dos Guimarães. Esse é um compromisso do governador Pedro Taques, que está sendo entregue à população”, explicou.

Fb

Compartilhe esta notícia com os seus amigos

0 Comentário(s).

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

COMENTAR ESTA MATÉRIA
FECHAR

Edição Atual

Ed. Nov 2018 Revista Única

ASSINAR LER A REVISTA MAIS



vídeo publicidade


Av. Historiador Rubens de Mendonça, 1731 - Cuiabá MT

arte@unicanews.com.br