Cuiabá, 18 de Julho de 2018

CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA

Quinta-feira, 05 de Julho de 2018, 18h:30 - IMPRIMIR | comentar (01)
A | A

compartilhar

Candidatos do seletivo anulado têm 11 dias para pedir reembolso da inscrição

Da Redação

(Foto: Vicente Aquino)

secretaria de assistência.jpg

 

Os 9 mil candidatos pagantes do processo seletivo simplificado de contratação temporária da Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, que foi anulado pelo Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE), já podem realizar o pedido de reembolso do valor referente à inscrição.

 

As diretrizes para efetuar o procedimento estão disponíveis no site do Instituto Nacional de Seleções e Concursos (Selecon) e os inscritos têm desta quinta-feira (5) até o dia 16 de julho para fazerem os pedidos.  

 

“Como prometemos, e em respeito a todos os candidatos inscritos do processo, estamos dando sequência às etapas dos procedimentos de anulação dentro do tempo previsto no ato de cancelamento. Pedimos aos inscritos que se atentem as datas limites para realizar este pedido, para que se receba o valor em tempo oportuno”, observa a secretária municipal de Gestão, Ozenira Felix.

 

Para receber o valor, o candidato deve acessar o endereço selecon.org.br/novo/, aba de informações do processo, clicar no link ‘pedido de ressarcimento’, inserir os dados solicitados, salvar no botão de confirmação. Após esta etapa, essas informações serão conferidas pelo Instituto, que providenciará o reembolso através de transação bancária, ou ordem de pagamento, entre os dias 5 a 10 de agosto, conforme diretrizes do edital de anulação nº 007/18, publicado no Diário de Contas do dia 03 de julho.

 

“É importante que os solicitantes atente-se aos dados informamos na ficha online de ressarcimento, principalmente ao item da conta bancária, para evitar transtornos futuros no momento da transação. Além disso, acompanhe as datas do procedimento, tanta a do pedido, quanto do reembolso,” esclarece o diretor de Concursos e Processos Seletivos do Selecon, Marcus São Thiago.

 

Ação de anulação - A ação cumpriu a determinação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), por meio da conselheira Jaqueline Jacobsen Marques, mediante o processo nº 16.210/18, publicada no Diário Oficial de Contas da última sexta-feira (29).

 

No total, o processo recebeu 12.500 inscrições. Dessas, como já citado acima, 9.000 foram pagantes e 4.000 insetos, para 500 cargos da Assistência, de nível fundamental a superior.

 

De acordo com o secretário de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, Wilton Coelho, o município já está trabalhando no desenvolvimento do processo de um concurso para atender as necessidades da Assistência. No momento, a equipe realiza os estudos internos e levantamentos de todas as necessidades da pasta em questão. A previsão é que até maio de 2018 divulgue-se o edital para este certame, como determinou o chefe do Executivo.

 

“Cumprindo com as determinações do TCE, que entendeu não ser favorável o processo seletivo, nos apontando como melhor meio a realização do concurso. Seguindo isso, temos, primeiramente, que adequar a parte legislativa, elaborando uma lei que atenda as demandas da Secretaria. Assim teremos as ferramentas necessárias para elaboração do certame, seguindo as determinações dos órgãos reguladores. Reitero que a gestão está trabalhando para levar os serviços com a máxima qualidade ao cidadão”, finaliza o secretário Wilton Coelho.

Fb

Compartilhe esta notícia com os seus amigos

0 Comentário(s).

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

COMENTAR ESTA MATÉRIA
FECHAR

Edição Atual

Ed. Junho 2018 Revista Única

ASSINAR LER A REVISTA MAIS



vídeo publicidade


Av. Historiador Rubens de Mendonça, 1731 - Cuiabá MT

arte@unicanews.com.br